A equipe

A Iniciativa de Medição dos Direitos Humanos (HRMI) é um empreendimento unicamente colaborativo entre profissionais, pesquisadores, acadêmicos e outros colaboradores dos Direitos Humanos. Está hospedada no Motu Economic and Public Policy Research, um instituto de pesquisas sem fins lucrativos com sede na Nova Zelândia, classificado como um dos dez melhores grupos de reflexão econômica do mundo inteiro. A HRMI está também trabalhando conjuntamente com um número de organizações acadêmicas e uma variedade de ONGs em prol dos avanços em Direitos Humanos.

Equipa principal da HRMI

A equipe da HRMI inclui alguns dos maiores especialistas experientes no campo, inclusive desenvolvedores de algumas das medidas mais utilizadas existentes em Direitos Civis e Políticos e autores premiados nas melhores medidas em Direitos Econômicos, Sociais e Culturais.

Mennah Abdelwahab
Equipa CPR
Mennah Abdelwahab
Equipa de Métricas de Direitos Civis e Políticos
Estados Unidos

Mennah é uma estudante do terceiro ano da Universidade da Geórgia a estudar Relações Internacionais e Jornalismo, com especialização em Árabe. A sua paixão pelos direitos humanos começou durante o seu primeiro ano, quando começou a conduzir investigações sob a supervisão do Dr. K. Chad Clay. Mennah está particularmente interessada em assuntos sobre direitos humanos no Médio Oriente, pois a mãe e o pai são do Egito. Depois de graduar-se, ela espera seguir uma carreira com foco em direitos humanos que combine com sua pesquisa, política e experiência jurídica.

Bassma Ali
Palestina/Israel
Bassma Ali
Co-líder da expansão Palestina/Israel
Palestina/Israel

Bassma tem mais de 11 anos de experiência de operação na área da Tecnologia da Informação e de Projetos com diferentes organizações locais e internacionais. Ela foi co-fundadora da GGateway em 2012 e líder de estratégia e operação comercial da Gateway. GGateway treinou mais de 1000 jovens e garantiu mais de 2000 oportunidades de trabalho em serviços de TI. Bassma foi apontada como Líder da Próxima Geração pelas revistas Time Magazine em outubro de 2018 e GQ Middle East. Além disso, ela é vencedora do prêmio SDG&Her de 2020 em nome da região do Médio Oriente e Norte da África (MENA). Bassma é Bacharel em ciências da computação com reconhecimento pela Universidade do Estado de Montana nos Estados Unidos em 2008. Também foi concedido a ela o Programa de Liderança Empresarial, equivalente a um ano de MBA em liderança, extraído do curriculum MBA da Universidade Estadual de Portland, oferecido a líderes mundiais renomados em 2011.

Anônimo
Coordenador para o Sul da Ásia
Anônimo

Stephen Bagwell
Equipa DES
Stephen Bagwell
Equipa de Medição dos Direitos Económicos e Sociais
Estados Unidos

Stephen tem uma paixão pela compreensão das causas económicas e as consequências dos maus comportamentos dos governos. Como cientista político, ele leciona cursos em direitos humanos, economia política e desenvolvimento político-económico. Ele trabalhou em vários projetos de medição de direitos humanos e bem-estar, incluindo a sua dissertação que focava no desenvolvimento de vários progressos de métricas de medição em direção aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. A pesquisa atual de Stephen foca-se na ligação entre a segurança humana e a economia. Ele obteve o seu PhD em 2019 na Universidade da Geórgia e atualmente leciona cursos na Universidade Missouri- St Louis.

Morgan Barney
Equipe DCP
Morgan Barney
Equipe de Medição em Direitos Civis e Políticos
Estados Unidos

Morgan Barney é aluna do segundo ano de pós-graduação na Universidade da Geórgia. Concluiu o seu bacharelado em Estudos Internacionais pelo Covenant College, onde começou o seu estudo sobre os direitos humanos, particularmente sobre as tendências do tráfico de pessoas na Europa Oriental. Morgan viajou seis vezes para a Moldávia, onde fez a maioria do seu trabalho de defesa dos direitos humanos. No verão de 2019, ela completou um estágio de pesquisa com a ONG internacional de direitos humanos Missão Internacional de Justiça em Washington, DC.

Anne-Marie Brook
Cofundadora
Anne-Marie Brook
Cofundadora / Líder de Visão e Estratégia
Nova Zelândia

Anne-Marie é uma ex-economista com paixão em ajudar a trazer mudanças sistêmicas. Ela é boa em ter uma noção geral e ajudar os demais a ver como suas habilidades podem contribuir para tornar o mundo um lugar melhor. Antes de dar o salto para os direitos humanos, Anne-Marie trabalhou como economista sénior para a OCDE e para o setor público da Nova Zelândia. É uma bolseira Edmund Hillary e licenciada em Psicologia e Economia pela Universidade de Otago e tem um MPA em Economia pela School of Public and International Affairs (SPIA) da Universidade de Princeton, que frequentou ao abrigo de uma bolsa de estudo Fullbright.

Eduardo Monteiro Burkle
Analista de Pesquisa
Eduardo Monteiro Burkle
Editor e analista de Pesquisa
Brasil

Eduardo é um advogado e ativista dos direitos humanos do Brasil. Ele recentemente concluiu seu mestrado em Direitos Humanos na Democratização, direcionando sua pesquisa na experiência da Justiça de Transição no Brasil.

Anna Churton
Líder de Desenvolvimento
Anna Churton
Líder de Desenvolvimento
Nova Zelândia

Anna es una apasionada de las cuestiones de justicia social y equidad y, en particular, explora el nexo entre el marco internacional de derechos humanos y el desarrollo sostenible. Anna tiene una licenciatura en derecho y una licenciatura en francés y relaciones internacionales de la Universidad Victoria de Wellington y una maestría en desarrollo sostenible de la Universidad Grenoble Alpes, con un enfoque del desarrollo basado y abordando los derechos humanos.  Anna ha combinado su experiencia legal con su pasión por los derechos humanos, interactuando con partes interesadas de los sectores público, privado y sin fines de lucro en Aotearoa y en el extranjero, centrándose en los derechos de las mujeres y, en particular, en los derechos indígenas. Esto ha incluido trabajar con la Misión de Nueva Zelanda ante las Naciones Unidas en Nueva York, el Instituto Danés de Derechos Humanos y, más recientemente, MSI Reproductive Choices.

K. Chad Clay
Co-fundador
K. Chad Clay
Cofundador / Líder de Metodologia de Investigação e Design
Estados Unidos

Chad é um cientista político com forte interesse em aprofundar nossos entendimentos acerca de práticas de direitos humanos, violência política, dissidência organizada e desenvolvimento econômico. Ele leciona aulas de direitos humanos, relações internacionais e economia política na School of Public and International Affairs (SPIA) na Universidade da Geórgia e publicou largamente em diversos periódicos. Um dos co-fundadores da HRMI, Chad coordena a projeção e o desenvolvimento das nossas métricas de Direitos Civis e Políticos. Ele traz consigo mais de uma década de experiência na área de medição em direitos humanos, inclusive como co-diretor da (agora arquivada) CIRI Human Rights Data Project. Chad recebeu seu PhD em Ciência Política pela Universidade de Binghamton em 2012.

Francesca Hart
Finance and Operations Lead
Francesca Hart
Finance and Operations Lead
New Zealand

Francesca is passionate about equity issues and has dedicated her career to this, having worked in anti-doping, health, and now human rights  in both the UK and Aotearoa New Zealand. Francesca has a BCom in accounting and marketing from the University of Otago and a background in HR and finance, which has equipped her well for a career in business operations.

Tori Hawley
Comunicação
Tori Hawley
Comunicação
Gales

Tori é uma estudante canadiana que reside atualmente no Reino Unido. Concluiu recentemente a licenciatura em Relações Internacionais na Universidade Western, e está agora a tirar outra licenciatura em Direito e Criminologia na Universidade de Liverpool. Os seus interesses de investigação giram em torno do direito penal internacional e dos direitos relacionados à integridade física.

Elizabeth Kaletski
Direitos das Crianças
Elizabeth Kaletski
Investigadora
Estados Unidos

Liz é professora associada de Economia na Faculdade de Ithaca, em Nova Iorque. A especialidade dela está na intersecção entre economia aplicada do trabalho e do desenvolvimento. Isso levou seu ensino e pesquisa a cobrir uma ampla gama de tópicos, que incluem direitos económicos e sociais, direito das crianças, desigualdade e economia de género. Antes de pertencer ao corpo docente da Faculdade de Ithaca, recebeu o seu doutoramento pela Universidade de Connecticut em 2014.

Thalia Kehoe Rowden
Comunicação
Thalia Kehoe Rowden
Direcção de Comunicação
Nova Zelândia

Thalia é uma escritora, editora e ativista que se juntou à Amnistia aos 13 anos. Tem um bacharelato em Linguística e possui curso de direito pela Victoria University of Wellington, onde teve como enfoque especial a lei internacional de direitos humanos. Após receber o seu diploma em Teologia Aplicada pelo Carey Baptist College, em Auckland, trabalhou como pastora Baptista em New Plymouth, Nova Zelândia, e, seguidamente, com a organização Partners Relief & Development (Apoio e Desenvolvimento) no Sudeste Asiático.

Meridith Lavelle
Equipa DCP
Meridith Lavelle
Equipa de Medição dos Direitos Civis e Políticos
Estados Unidos

Meridith é uma estudante de Mestrado na School of Political and International Affairs da Universidade da Georgia. Impulsionada pelo seu desejo de promoção dos direitos humanos, por uma compreensão contínua dos diferentes desafios enfrentados pelos direitos humanos e pela expansão da educação e consciencialização dos direitos humanos, ela dedica-se a facilitar as suas contribuições através da pesquisa empírica e da colaboração com outros. As preocupações da sua pesquisa centra-se nas ligações de direitos humanos, dissidente/repressão, democratização, média e tecnologia.

Sam Manuela
Líder de Dados do Pacífico
Sam Manuela
Líder de Dados do Pacífico
Ilhas Cook

Sam é um docente e investigador das Ilhas Cook que trabalha na Faculdade de Psicologia da Universidade de Auckland. O PhD de Sam focou-se no desenvolvimento de escalas, no qual construiu ferramentas psicométricas que refletem os valores do Pacífico e os conceitos de identidade e de bem-estar. A investigação atual de Sam foca-se em conhecimento, crenças e atitudes em relação à saúde mental, e ele está a desenvolver um estudo que identifica a prevalência de doença mental nas Ilhas Cook. Os interesses de Sam na HRMI (Iniciativa de Medição dos Direito Humanos) relacionam-se com a sua paixão por ver as realidades do Pacífico refletidas na investigação quantitativa e por garantir que há dados de elevada qualidade a beneficiar as comunidades do Pacífico.

Asia Parker
Equipa RCP
Asia Parker
Equipa de métricas de RCP
Estados Unidos

Asia é estudante de Doutoramento em Relações Internacionais, com foco em direitos humanos. Ela está interessada em perceber como os grupos sub-representados - especialmente as mulheres - lutam pela igualdade e na forma como a assistência estrangeira pode apoiar seus esforços. A sua agenda de pesquisa observa segurança humana, intervenção estrangeira, violência sexual e estudos feministas em RI com enfoque regional no Médio Oriente e Pacífico.

Matthew Rains
Equipe DCP
Matthew Rains
Equipe de Métricas de Direitos Civis e Políticos
Estados Unidos

O Matthew dedica-se a usar investigações no avanço e na melhoria das condições dos direitos humanos em todo o mundo através da criação de dados e do empoderamento dos defensores de direitos humanos. É também um cientista político que passou anos com projetos de medição de direitos humanos, incluindo vários anos como membro da equipa de Direitos Políticos e Civis da HRMI. As suas investigações focam-se na discriminação e na opressão contra pessoas marginalizadas, na violência política e no conflito civil, e na resolução de problemas de medição difíceis em ciência política. O Matthew é candidatou-se a um doutoramento na Universidade da Geórgia e deu aulas sobre Organização Internacional e Guerra Moderna.

Susan Randolph
Co-fundadora
Susan Randolph
Co-fundadora e coordenadora das métricas em Direitos Econômicos e Sociais
Estados Unidos

O interesse ao longa da vida de Susan no bem-estar das pessoas e em desenvolvimento econômico a levou a forçar as barreiras de nosso conhecimento e ajudar a desenvolver uma abordagem que revolucionou as medições de cumprimento dos Direitos Econômicos e Sociais. Seu livro mais recente descrevendo esta abordagem, “Fulfilling Social and Economics Rights” juntamente com Sakiko Fukuda-Parr e Terra Lawson-Remer (Oxford University Press, 2015) recebeu o prêmio de livro do ano da American Political Science Association na Área de Direitos Humanos. Susan é Co-Diretora da Economic and Social Rights Empowerment Initiative e Co-Diretora do Research Program on Economic & Social Rights no Instituto de Direitos Humanos da Universidade de Connecticut. Ela possui um PhD em Economia pela Universidade de Cornell.

Mariam Rasheed
Nova Zelândia
Mariam Rasheed
Assistente de Pesquisa do Pacífico
Nova Zelândia

Meu nome é Mariam Rasheed, estou no meu último ano de faculdade de Direito e Economia na Universidade de Victoria em Wellington. Sou das ilhas de Fiji e Mauriciana, nascida e crescida em Aotearoa. Sou apaixonada pelo sucesso da Pasifika, e passei meus anos de faculdade fazendo voluntariado e liderando diversos grupos dentre eles a Associação de Estudantes de Fiji e a Sociedade de Estudantes de Direito de Pasifika. Gosto de ajudar e trabalhar com os outros e fora da universidade e do voluntariado, gosto de caminhar, de ter uma boa alimentação e de ouvir boa musica.

Pratibha Singh
Estágios
Pratibha Singh
Estágios
Nueva Zelanda

Nascida em Inglaterra, a neozelandesa de origem indiana Pratibha viajou, estudou e trabalhou em cinco continentes diferentes. Tendo completado recentemente a sua licenciatura em Estudos Globais, com especialização em Ambiente Global e Desenvolvimento Sustentável, Pratibha tem um interesse profundo por cidadania global, descolonização e sustentabilidade. Em 2018, foi uma dos 100 agentes de mudança a nível mundial selecionados pela Future Talks Foundation para integrar uma expedição ao Ártico. Foi investigadora principal e assistente em estudos ligados aos direitos das populações indígenas, direitos do ambiente, e direitos digitais na Rede Internacional de Ação Terra das Mulheres e Ação Climática e, mais recentemente, na Escola de Negócios da Universidade de Auckland.

John (Jay) Stewart
Equipa DES
John (Jay) Stewart
Equipa de Medição dos Direitos Económicos e Sociais
Estados Unidos

John (Jay) Stewart é investigador nas áreas da sociologia da ciência, da justiça ambiental e dos direitos humanos. Antes de se tornar professor emérito em 2014, ele ensinou sociologia, métodos de investigação e estatística na Universidade do Estado de Washington e na Universidade de Hartford. Mais recentemente, tem continuado a trabalhar em questões relacionadas com justiça social e ambiente, e faz parte da nossa equipa de medição de Direitos Sociais e Económicos. Obteve o seu doutoramento na Universidade de Wisconsin-Madison.

Seuta’afili Patrick Thomsen
Líder de Dados do Pacífico
Seuta’afili Patrick Thomsen
Líder de Dados do Pacífico
Samoa

Patrick é um académico e investigador samoano com formação interdisciplinar no Pacífico e em estudos internacionais, em estudos LGBT e de género, em política, em desenvolvimento e em direitos humanos. É atualmente professor de Estudos do Pacífico na Universidade de Auckland, onde leciona nos programas de estudos do Pacífico, de estudos de género, de estudos asiáticos e de estudos globais. Patrick é apaixonado pela exploração de formas que melhorem a posição do Pacífico nas discussões globais sobre direitos humanos, género/sexualidade e progresso de todas as comunidades do Pacífico.

K. Anne Watson
Direitos das Crianças
K. Anne Watson
Investigadora
Estados Unidos

Anne, apaixonada por educação em direitos humanos, recolhe dados que podem ser utilizados para responsabilizar os governos por abusos e comunica as suas investigações a um amplo público para que possam ser usadas para exercer pressão em prol do progresso. Ela é uma cientista política com mais de seis anos de prática em avaliar experiências de direitos humanos. Sua pesquisa foca principalmente na incorporação da legislação internacional em direitos humanos nas políticas domésticas, particularmente para os direitos das mulheres e os direitos económicos. Annie recebeu o seu doutoramento pela Universidade da Geórgia em 2020 e atualmente ensina Direitos Humanos e Métodos Quantitativos na Universidade da Flórida.

Zerlina Wong
Research Assistant
Zerlina Wong
Research Assistant
New Zealand

Hailing from Auckland and Ipoh, Zerlina Wong is in her final year at the University of Auckland, majoring in History and Global Studies.

 

Embaixadores HRMI

Os Embaixadores HRMI são os nossos parceiros locais – as pessoas que fazem parte da comunidade local de direitos humanos e cujos valores estão alinhados com os nossos. Estas pessoas desempenham um papel importante ao ligar o HRMI à comunidade local de direitos humanos e ajudam-nos a identificar possíveis participantes para a investigação no seu país. Os embaixadores HRMI para alguns países preferem permanecer anónimos e não constam desta lista.

Tomás Queface
Moçambique
Tomás Queface
Moçambique

Tomás é um ativista e investigador moçambicano com interesse no desenvolvimento social, indústria extrativa e ICT4D. Possui um MA em Antropologia do Desenvolvimento e Transformação Social da Universidade Sussex, em Inglaterra. Desde 2015 tem trabalhado com comunidades afetadas pela exploração mineira em Moçambique e na África do Sul.

Simão Hossi
Angola
Simão Hossi
Angola

Simão é jornalista, defensor dos direitos das mulheres e igualdade de género e ativista cívico em Angola. Também é poeta, fotógrafo e blogger de notícias. Escreveu para os sítios do Clube K e da Revista Pueblo e agora escreve regularmente para a Rádio Angola e Global Voices. Frequenta, neste momento, o terceiro ano do Curso de Ciências Sociais na Universidade Independente de Angola e tem participado nos debates e conferências sobre direitos humanos ao nível nacional e internacional.

Hala Al-Dosari
Arábia Saudita
Hala Al-Dosari
Arábia Saudita

Hala Aldosari é uma académica saudita da área do género e da saúde, focada nos determinantes sociais da saúde e violência contra as mulheres na Arábia Saudita. Atualmente, é membro da Wilhelm Fellow no Centro de Estudos Internacionais do MIT e atua nos conselhos consultivos do Observatório de Direitos Humanos da divisão do Médio Oriente / Norte de África e do Gulf Centre for Human Rights. Anteriormente, foi professora residente no Centro de Direitos Humanos e Justiça Global da NYU e como professora convidada no Instituto Radcliffe da Universidade Harvard e no Arab Gulf States Institute em Washington, DC. Aldosari completou o Doutoramento na Old Dominion University e o Mestrado na Universidade de Surrey, no Reino Unido. Aldosari é também colunista e os seus artigos estiveram em destaque em vários dos principais jornais. Ela também foi o membro inaugural do Khashoggi no jornal Washington Post.

Julia Legner
Arábia Saudita
Julia Legner
Arábia Saudita

Julia Legner é cientista política e profissional dos direitos humanos. Cofundadora da MENA Rights Group, uma ONG dedicada ao ativismo legal e baseada em Genebra, é também diretora de advocacia na ONG ALQST for Human Rights, uma organização com sede em Londres e especializada na Arábia Saudita. Tem mais de sete anos de experiência profissional em assistência jurídica e representação de vítimas de violações de direitos humanos e do trabalho na zona do Médio Oriente e Norte de África (MENA). É licenciada em Árabe e Relações Internacionais pela Universidade de Westminster e tem mestrado em Política do Médio Oriente pela Escola de Estudos Africanos e Orientais da Universidade de Londres.

Ana Teresa C. Khatounian
Brasil
Ana Teresa C. Khatounian
Brasil

Ana Teresa, de origem armeno-brasileira, é investigadora independente e consultora política e em direitos humanos. Tem experiência profissional em direito à habitação, acesso à justiça, empoderamento da comunidade e direitos da criança. É licenciada em Direito pela Universidade Estatal de Londrina, e obteve o mestrado em Justiça de Transição, Direitos Humanos e Estado de Direito na Academia de Direito Internacional Humanitário e Direitos Humanos de Genebra.

Aina Shormanbayeva
Cazaquistão
Aina Shormanbayeva
Cazaquistão

Aina Shormanbayeva é defensora dos direitos humanos no Cazaquistão. Começou como advogada de direitos humanos em 2002. Desde 2010, organizou e encabeçou a Fundação Pública de Iniciativa Legal Internacional, uma das principais organizações de direitos humanos do Cazaquistão. Aina está empenhada na promoção da proteção dos direitos civis e políticos, incluindo a assistência jurídica a grupos vulneráveis, tais como vítimas de tortura e tráfico humano, refugiados, e pessoas sem habitação e documentação. Uma parte importante do seu trabalho é a promoção dos direitos humanos na legislação do Cazaquistão.

Hwanhee Lee
Coreia do Sul
Hwanhee Lee
Coreia do Sul

Hwanhee Lee é advogada na Fundação Dongcheon, uma fundação em direito de interesse público. Logo após a faculdade, Hwanhee começou a trabalhar na Ernest & Young, uma empresa global de consultoria empresarial, e trabalhou ainda como consultora sénior durante 5 anos antes de iniciar os seus estudos em Direito para se tornar advogada 'pro nono' a tempo inteiro. Com foco na advocacia legal e na reforma política para refugiados e migrantes, seus interesses atuais incluem registo universal de nascimento, não discriminação contra estrangeiros e mulheres, direitos dos trabalhadores, assim como a interpretação doméstica e implementação de tratados internacionais de direitos humanos. Hwanhee licenciou-se em Ciência Política e Diplomacia em 2010, obteve o doutoramento em Direito (Juris Doctor) em 2020, e foi admitida na Ordem dos Advogados da Coreia do Sul em 2021.

Dr. Vickie Casanova-Willis
Estados Unidos
Dr. Vickie Casanova-Willis
Estados Unidos

Dr. Vickie Casanova-Willis, MBA, mestre em Educação e Doutorada - é diretora-executiva da Rede de Direitos Humanos dos EUA (USHRN), uma rede nacional de mais de 300 organizações e centenas de indivíduos que trabalham desde 2003, nos Estados Unidos, para construir uma cultura de direitos humanos centrada nas pessoas. Ex-presidente da Conferência Nacional de Advogados Negros (NCBL) e membro-fundador da Aliança das Cidades para os Direitos Humanos dos EUA, é ainda cofundadora da nova Fundação da Rede de Direitos Humanos dos EUA. A Drª. Vickie dedicou-se ao trabalho com jovens carentes e famílias de várias etnias e nacionalidades durante décadas através da educação interdisciplinar e do trabalho cultural para desmantelar o racismo estrutural. Coorganizadora das visitas de 2016 ao Midwest dos EUA do Grupo de Trabalho da ONU de Peritos sobre Afrodescendentes e do Grupo de Trabalho sobre Detenção Arbitrária; foi coautora de relatórios e artigos de várias partes interessadas; e prestou e facilitou testemunho à Organização dos Estados Americanos-Comissão Interamericana (OEA-CIDH), Revisão Periódica Universal (UPR), Comité Contra a Tortura (CAT), Convenção Internacional para Eliminar Todas as Formas de Discriminação Racial (ICERD), e o Conselho de Direitos Humanos (HRC) em relação a violações de direitos humanos e soluções concebidas por pessoas diretamente afetadas.

Megan McDonough
Estados Unidos
Megan McDonough
Estados Unidos

Megan é uma advogada de direitos humanos que tem dedicado a sua carreira a defender a liberdade de movimento para todos, em especial para os mais vulneráveis. Atualmente ela é advogada supervisora do Projeto Internacional de Assistência aos Refugiados (IRAP), sediado em Nova Iorque. Antes de integrar o IRAP, Megan trabalhou em todo o Sudeste Asiático e no Norte da África, liderando equipas jurídicas na defesa dos direitos e proteção aos refugiados.

Nalini Singh
Fiji
Nalini Singh
Fiji

A Nalini Singh, das Fiji, é feminista e especialista em desenvolvimento social, com mais de 18 anos de experiência em design, implementação, gestão, monitorização e avaliação dos direitos das mulheres e dos programas de desenvolvimento na região da Ásia-Pacífico. Depois de trabalhar em ONG regionais durante 12 anos, regressou a casa há mais de 4 anos para chefiar o Movimento pelos Direitos das Mulheres das Fiji - um cargo que ocupa atualmente. Ela é apaixonada por muitas questões que afetam as mulheres e tenta sempre dar o seu melhor para garantir que as mulheres estão no primeiro plano relativamente a igualdade, direitos e desenvolvimento.

Broderick Mervyn
Fiji
Broderick Mervyn
Fiji

Broderick Mervyn (das aldeias de Oinafa, em Rotuma e de Juju, em Rotuma) nasceu e cresceu em Nadi, em Fiji, onde a sua paixão é trabalhar com e para a população do Pacífico espalhada pelo mundo. Tem sido um ávido defensor de assuntos como o envolvimento dos jovens, o acesso à justiça, os direitos humanos e as mudanças climáticas em fóruns nacionais, regionais e internacionais. Broderick recebeu numerosos prémios, incluindo o Membro da Ordem de Fiji (MOF), a edição de 2020 dos Prémios para a Juventude da Comunidade por Excelência no Desenvolvimento de Trabalho para a Região do Pacífico e o Prémio de Inovação CoLab para a Juventude de Fiji.

Catherine Evans
Ilhas Cook
Catherine Evans
Ilhas Cook

Catherine é uma entusiasta do aumento de jovens mulheres das Ilhas Cook em posições de liderança e da assistência a mulheres na superação de obstáculos à liderança, tais como a violência doméstica, a pobreza, e a falta de oportunidades de educação e emprego. Foi afortunada ao aprender competências na sua carreira jurídica que lhe permitem prestar essa assistência. Catherine é advogada e solicitadora por conta própria nas Ilhas Cook. A experiência de Catherine vai desde a prática em direito de família, direito laboral, direito público e administrativo, ambiental, direito contratual e divulgação de informações oficiais, às leis de financiamento anticorrupção e antiterrorista.

Jennifer Kusapa
Ilhas Salomão
Jennifer Kusapa
Ilhas Salomão

Jennifer é uma jornalista nas Ilhas Salomão. Ela relata os processos e decisões judiciais e penais. Jennifer é apaixonada pela defesa de mudanças positivas na sua comunidade, incluindo tornar a sua comunidade consciente dos seus direitos legais e humanos.

Dr. Lenin Raghuvanshi
Índia
Dr. Lenin Raghuvanshi
Índia

Dr. Lenin Raghuvanshi é um empreendedor social e ativista dos direitos Dalit na Índia. Ele cresceu no estado de Uttar Pradesh, onde presenciou relações de desigualdade entre mulheres e homens, sendo os homens fortes, violentos e controladores das mulheres. Ele escolheu um caminho diferente para si e tornou-se um dos membros fundadores do,People’s Vigilance Committee on Human Rights (PVCHR), (Comitê de Vigilância Popular sobre Direitos Humanos), uma ONG com sede em Varanasi, Índia, cujo trabalho é a elevação das camadas marginalizadas da sociedade. Seu trabalho foi reconhecido com prêmios, tais como, o Prêmio Gwangju de Direitos Humanos (2007), o Prêmio ACHA Estrela da Paz (2008), a premiação dos Direitos Humanos Internacional da cidade de Weimar (2010), e o Prêmio Karmaveer Maharatna (2019).

Savita Ali
Índia
Savita Ali
Índia

Savita Ali é uma ativista dos Direito Humanos e defensora feminista com 15 anos de experiência trabalhando em os nível básico sobre questões tais como direitos Dalit, direitos das minorias e direitos e empoderamento das mulheres e tal marginalização múltipla baseada na identidade. Atualmente, ela é Curadora Administrativa da Fundação Eva e membro da equipe central da Dalit Women Fight (Luta das Mulheres de Dalit), onde lidera e dirige a gestão de programas, comunicação e atividades para mobilização comunitária. Ela exerce a defensoria no Tribunal Superior de Patna no estado de Bihar, Índia.

Mohammed Shamma
Jordânia
Mohammed Shamma
Jordânia

Mohammed Shamma é um jornalista jordano especializado em Direitos humanos. Mohammed tem trabalhado para a organização canadense de Jornalistas pelos Direitos Humanos como formador de meios de comunicação social, baseado em Amman, Jordânia, desde 2014. Nos últimos 15 anos, Shamma produziu e apresentou vários programas de rádio líderes na principal rádio comunitária em Amman, Balad Radio, além de produzir uma série de documentários focados nos direitos humanos. Shamma está a trabalhar com jornalistas jordanos de vários meios de comunicação social para produzir histórias de direitos humanos com jornalismo de dados.

Adama K. Dempster
Libéria
Adama K. Dempster
Libéria

Adama é um ativista de direitos humanos e justiça Liberiano com mais de 10 anos de experiência no campo dos direitos humanos e da justiça de transição nacional e internacionalmente. É, atualmente, Diretor Nacional Fundador e Principal Investigador dos Investigadores Independentes de Direitos Humanos (IHRI) e Secretário Geral da Plataforma de Defesa dos Direitos Humanos da Sociedade Civil da Libéria.

Hartini Zainudin
Malásia
Hartini Zainudin
Malásia

Hartini Zainudin é ativista pelos direitos das crianças na Malásia e é atualmente consultora para uma organização humanitária local. Co-fundou a Yayasan Chow Kit, uma ONG da Malásia que lida com direitos de crianças e proteção através da prestação de serviços em Kuala Lumpur. Como pessoa focal do sudeste da Ásia para uma organização da ONU, trabalhou também de perto com a ACNUR e UNICEF Malásia. Hartini foi membro do Ministério de Mulheres, Família e Conselho Consultivo Nacional de Desenvolvimento Comunitário sobre o bem-estar e proteção de crianças e instruiu a Agência de Imigração e Fiscalização Aduaneira em questões de tráfico de crianças.

Ian Yee
Malásia
Ian Yee
Jornalista de Investigação
Malásia

Ian Yee é um jornalista de investigação premiado cujo trabalho se foca em questões de justiça social. É fundador do The Fourth, uma empresa social sem fins lucrativos que usa o jornalismo de investigação, conteúdo multimédia e a advocacia digital criativa para apoiar movimentos de justiça social, e dá formação e apoio a organizações da sociedade civil. Atualmente, é também diretor executivo do Environmental Reporting Collective (ERC), um premiado coletivo global de jornalistas de investigação que produz projetos colaborativos inovadores sobre crimes ambientais; é também consultor nacional para a UNICEF na Malásia. A nível pessoal, foi nomeado Líder da Fundação Obama e Membro da Acumen Academy e galardoado pela GenT, tendo ainda participado no Programa de Liderança Internacional do Reino Unido.

Camila Ruiz Segovia
México
Camila Ruiz Segovia
México

Camila é bacharel em Ciências Políticas pela Universidade de Brown e com mestrado em Justiça de Transição e Direitos Humanos pela Academia de Genebra. Ela colaborou com as organizações de direitos humanos e grupos de reflexão com sede no México, Europa e nos Estados Unidos, incluindo o Essex Transitional Justice Network, Impunity Watch e o Watson Institute for International and Public Affairs. Ela é atualmente uma pesquisadora sênior da sede do México no grupo de reflexão Justicia Transitional baseado no México. Seu trabalho e pesquisa são direcionados à participação das vitimas em processos de verdade e justiça na América Latina e ao monitoramento e avaliação de políticas de direitos humanos no México.

Carlos Zazueta
México
Carlos Zazueta
México

Carlos es investigador sobre México en Amnistía Internacional. Es responsable de recopilar y analizar datos sobre violaciones de los derechos humanos, así como de asesorar a la organización sobre cuestiones jurídicas y políticas del país. Abogado de profesión, su anterior cargo fue como abogado en el Centro por la  Justicia y el Derecho Internacional (CEJIL), representando casos ante el Sistema Interamericano de Derechos Humanos. Carlos aporta al HRMI su experiencia como abogado y activista de derechos humanos en las Américas, incluyendo sus conexiones con posibles encuestados. Ha participado en los talleres del HRMI con organizaciones y en varias discusiones sobre cómo presentar mejor los datos.

David Matsinhe
Moçambique/Angola
David Matsinhe
Moçambique/Angola

David é o Especialista de Investigação Lusófona da Amnistia Internacional baseada em Joanesburgo, África do Sul. Onde grande parte do seu trabalho se foca em Angola e Moçambique. É apaixonado por formas criativas e inovadoras de estimular o público para a mudança positiva e está a contribuir com seu conhecimento especializado para o desenvolvimento da metodologia do inquérito a especialistas sobre direitos civis e políticos do HRMI. Cargos anteriores incluem professor sénior de estudos do desenvolvimento e inovação social na Universidade de Joanesburgo, e coach sénior do Banco Mundial sobre gestão de mudança no Ministério da Educação de Moçambique. David doutorou-se em sociologia política pela Universidade de Alberta, onde foi Académico Graduado do Canadá.

Ben Lomai
Nauru
Ben Lomai
Nauru

Ben trabalha como advogado na área de contencioso há 27 anos, desde que foi admitido na Ordem dos Advogados da Papua-Nova Guiné. Foi também admitido na Ordem dos Advogados de Vitória, em Melbourne. Ben gere a sociedade de advogados Lomai & Lomai Attorneys há mais de 20 anos. Ajudou mais de 1.000 requerentes de asilo e refugiados no âmbito do programa Australian Offshore.

Jay Gataua
Niue
Jay Gataua
Niue

Jay nasceu e cresceu em Niue e ainda mora lá com o marido e três filhas. É licenciada pela Universidade de Canterbury e tem uma Licenciatura em Direito pela University of the South Pacific. Trabalhou em diversas funções em Niue ao longo dos anos e, nos últimos três anos, ocupou o cargo de Oficial de Coordenação da ONU em Niue. É falante fluente de vagahau niue e inglês.

Yolene Koteureu
Nova Caledónia
Yolene Koteureu
Nova Caledónia

Originária da ilha de Pines, Yolene tem experiência nas áreas de direitos humanos, inclusão social, educação e desenvolvimento, e trabalha principalmente na Nova Caledónia. Ela trabalhou em organizações internacionais como a ONU Mulheres, com pesquisas sobre mobilização de recursos e sobre políticas de Assistência Oficial ao Desenvolvimento (ODA) dos Estados-Membros da ONU para alocações e prioridades relacionadas à igualdade de género e empoderamento das mulheres. Em 2020, quando trabalhava no escritório do Alto Comissariado para os Direitos Humanos, as suas missões focaram-se em programas de capacitação de representantes dos povos indígenas sobre mecanismos de direitos humanos em fóruns internacionais. Atualmente, como contacto de referência, Yolene aconselha e fala em nome do conselho tradicional de Djubea Kapume, especialmente nas suas diversas iniciativas para fóruns internacionais sobre direitos dos povos indígenas e alterações climáticas, direitos dos jovens, direitos das mulheres e empoderamento. Yolene tem um mestrado em Estudos Internacionais e Sociologia pela Universidade Sorbonne Nouvelle de Paris e pela Colin Powell School de Nova Iorque. Ela defende fortemente que a educação é um caminho essencial para mudar atitudes e comportamentos na construção de uma cultura de direitos humanos globais e cidadania social.

Diane Kambanei
Papua Nova-Guiné
Diane Kambanei
Papua Nova-Guiné

Diane é defensora dos direitos das mulheres e da saúde sexual e reprodutiva na adolescência na Papua Nova-Guiné. Ela faz parte do conselho da organização juvenil OlaFou PNG e da Aliança para a Maternidade Segura PNG (SMALL PNG). Ela apresenta o programa de televisão EXTRA, que se centra em histórias que dão força às mulheres e juventude na PNG. Diane é Bolsista da Chevening, e concluiu recentemente o seu Mestrado em Saúde Global, especializando-se em saúde reprodutiva sexual pela Universidade Queen Margaret em Edimburgo, Reino Unido.

Yanamlyn Yana
Papua-Nova Guiné
Yanamlyn Yana
Papua-Nova Guiné

Yanamlyn é fundadora da Iniciativa Ätitäi, uma organização que ajuda a equipar escolas rurais com recursos apropriados para uma aprendizagem de qualidade, eficaz e inteligente. Também é coordenadora da campanha Senisim Pasin, uma iniciativa da Fundação Tribal de Papua-Nova Guiné que aborda as questões de violência de género e violência baseada na acusação de feitiçaria (SABV, pela sigla em inglês) no país através do trabalho de incidência política. Yanamlyn é apaixonada por defender a igualdade de oportunidades de educação e emprego, e ainda por criar consciência sobre a violência contra mulheres e crianças.

Vehia Wheeler
Polinésia Francesa
Vehia Wheeler
Polinésia Francesa

Nascida e criada no Havai, e com raízes ancestrais em Moorea e Mangareva, na Polinésia Francesa, a educação de Vehia incutiu-lhe uma paixão por ambientes insulares saudáveis e equilibrados ('pono'). Estabelecida no Taiti, na Polinésia Francesa, é cofundadora da Sustainable Oceania Solutions, uma empresa de consultoria social e ambientalmente responsável. É uma defensora acérrima dos direitos indígenas e da perpetuação da sua cultura indígena.

Sharon Wangechi Muriuki
Quênia
Sharon Wangechi Muriuki
Quênia

Sharon é advogada. Os interesses dela são promover a governança agrária progressiva, segurança alimentar, direito à terras e direitos dos povos indígenas no Quénia. Ela espera reforçar suas habilidades de litígio nos direitos humanos e acesso à agro-economia para as comunidades minoritária do Quénia.

Aida Baijumanova
Quirguistão
Aida Baijumanova
Quirguistão

Aida Baijumanova trabalha na área dos direitos humanos desde 2004. Trabalha, desde 2007, em casos sobre a proteção dos direitos de grupos vulneráveis e, desde 2010, na proteção dos direitos das vítimas do conflito interétnico no sul da República do Quirguistão e nos direitos dos defensores de direitos humanos. É desde 2018 coordenadora do projeto “Proteção dos direitos sobre tortura e maus-tratos”, executado com o apoio do Fundo Voluntário da ONU para Vítimas de Tortura.  Atualmente é diretora executiva da "Bir Duino Kyrgyzstan".

Jen Ang
Reino Unido
Jen Ang
Reino Unido

Jen é advogada de direitos humanos e diretora co-fundadora da JustRight Escócia, uma caridade jurídica de direitos humanos. É responsável pelo seu desenvolvimento e supervisiona a sua política, comunicações de investigação e estratégicas e trabalho de campanha. Está qualificada para praticar na Escócia, Inglaterra, País de Gales e no Estado de Nova Iorque nos Estados Unidos. É perita jurídica em asilo, direitos humanos, direitos das crianças e direitos de sobreviventes de tortura.  Jen é também professora de direito na Open University na Escócia e uma defensora entusiasta da expansão do acesso à educação para todos.

Hayley Richardson
Reino Unido
Hayley Richardson
Reino Unido

Atualmente, Hayley é Chefe de Monitoramento de Direitos Humanos na Comissão para a Igualdade e Direitos Humanos, a instituição nacional de direitos humanos da Grã-Bretanha. O seu trabalho envolve avaliar a conformidade do Reino Unido com as leis internacionais de direitos humanos, aconselhar o governo sobre formas pelas quais os direitos humanos poderiam ser mais bem protegidos na lei e nas políticas e desenvolver a capacidade da sociedade civil e de outros atores de se envolverem com a estrutura internacional.

Peggy Manning
Reino Unido
Peggy Manning
Reino Unido

Peggy é uma defensora dos direitos humanos e especialista em comunicação no sector cultural, empenhada em envolver o público através das artes para suscitar o debate e inspirar ações para as preocupações locais e globais. O seu trabalho no setor beneficente tem-se centrado sobretudo na captação de recursos digitais e através de eventos, com estratégia de campanha. É uma ativa militante de base em questões como habitação, alterações climáticas e direitos humanos.

Sylvette Balungwe
República Democrática do Congo
Sylvette Balungwe
República Democrática do Congo

A Sylvette é uma ativista de direitos humanos com especial incidência nos direitos das mulheres e na igualdade de género. É uma dedicada educadora de direitos humanos no Observatório dos Direitos Humanos da República Democrática do Congo, onde coordena atividades ligadas ao empoderamento das mulheres e à sensibilização para a legislação de direitos humanos. Sylvette contribuiu para a implementação de planos e programas ligados à violência sexual e de género, desenvolvidos para formar professores e alunos do ensino secundário, melhorando a sua perceção do equilíbrio entre géneros, e disseminando uma mensagem positiva de masculinidade saudável através de campanhas de sensibilização e defesa da comunidade.

Ronna Lee
Samoa
Ronna Lee
Samoa

Ronna Lee trabalha atualmente no departamento de apoio ao aluno da Universidade do Pacífico Sul, no campus da Samoa, e dá aulas na Escola de Media & Jornalismo da Universidade Nacional da Samoa.  Tem imenso orgulho de ser uma samoana de herança chinesa.  A sua variada experiência profissional inclui: professora, apresentadora de noticiários, co-anfitriã de eventos nacionais e regionais, curadora convidada no Museu Nacional da Samoa, e defensora acérrima dos direitos de grupos marginalizados em termos de educação de qualidade.  

Charles Dean
Samoa
Charles Dean
Samoa

Nascido e criado em Samoa, Charles é apaixonado pela educação e pelo desenvolvimento profissional da juventude. Licenciou-se em Direito pela Universidade Victoria de Wellington e, posteriormente, assumiu vários cargos focados na reforma legislativa nas áreas do direito da família, processo civil e reforma das políticas sobre drogas, bem como a legislação relativa aos direitos humanos em Samoa. Mais recentemente, ocupou o cargo de principal assessor jurídico do Gabinete do Provedor/ Instituto Nacional de Direitos Humanos (NHRI) de Samoa. Atualmente, está a tirar um mestrado em Direitos Humanos Internacionais na Universidade de Essex, Inglaterra.

Fa’aalu Leva’a Faletoese Iuli
Samoa Americana
Fa’aalu Leva’a Faletoese Iuli
Samoa Americana

Fa’aalu Leva’a Faletoese Iuli é a cofundadora e Diretora Executiva do Compromisso Integrado pela Ação e Acolhimento ( I.C.A.N, pela sigla em inglês) Window of Hope [Janela da Esperança] e antiga cofundadora e ex-diretora executiva da Aliança da Samoa Americana contra a Violência Doméstica e Sexual (ASADSV, pela sigla em inglês). O seu trabalho em prevenção de violência começou em Sydney, Austrália, há mais de 35 anos, no início da década de 80 nas seguintes áreas: trabalho juvenil, incidência política em torno de abrigos para mulheres, proteção infantil, saúde mental, abuso de drogas e outras substâncias. Formou-se e recebeu certificação como Especialista em Proteção Infantil Multicultural pelo Departamento de Serviços Comunitários de Sydney, Austrália, onde passou muitos anos no governo local e no apoio comunitário das ilhas do Pacífico. A determinação de Fa’aalu’s para construir e fortalecer a capacidade comunitária na criação de espaços seguros é fundamental para abordar a raíz do problema da violência. No seu atual trabalho, Fa’aalu permanece profundamente comprometida com conexões acessíveis e duradouras a fim de derrubar barreiras que impedem respostas coordenadas da comunidade no Território e nas comunidades samoanas, dentro e fora da ilha. De forma simples em suas próprias palavras, “Minha vida é meu trabalho e enquanto eu respirar, eu trabalho.”

Yibee Huang
Taiwan
Yibee Huang
Taiwan

Yibee é Diretor Presidente da Covenants Watch, uma coligação que inclui grupos de direitos humanos e organizações de pessoas com deficiências com sede em Taipé, Taiwan. Tem um Doutoramento da Universidade Nacional Yang Ming em desenvolvimento de indicadores de direitos humanos. Yibee tem experiência vasta no "modelo Taiwan" de revisões de relatórios de partidos estatais sobre pactos de direitos humanos (PIDCP e PIDESC) e convenções (CDPD, CEDAW e CDC). Juntamente com outros grupos da sociedade civil, elaboram relatórios paralelos de qualidade para complementar os relatórios estatais sobre direitos humanos. Yibee é também dos poucos cidadãos de Taiwan com experiência nos mecanismos de direitos humanos da ONU, apresentando apelos urgentes e submetendo relatórios. Para além de actividades de advocacia, os interesses de investigação de Yibee incluem o desenvolvimento de indicadores de direitos humanos e avaliação de impacto, bem como a aplicação de tratados de direitos humanos em tribunais nacionais.

‘Ofa Guttenbeil-Likiliki
Tonga
‘Ofa Guttenbeil-Likiliki
Tonga

‘Ofa trabalhar para capacitar as mulheres tonganesas. Conta as histórias de violência contra mulheres e meninas das sobreviventes, chamando a atenção para isto como uma questão premente no Tonga. Ofa fundou e ocupou o cargo de diretora do Centro de Crise para Mulheres e Crianças do Tonga. Foi nomeada duas vezes para o Prémio Internacional das Mulheres de Coragem do Secretário de Estado dos EUA pelo seu trabalho na área dos direitos das mulheres e crianças no Tonga.

Eliala (Ellie) Christina Fihaki
Tuvalu
Eliala (Ellie) Christina Fihaki
Tuvalu

Ellie trabalhou na região do Pacífico para diferentes organizações e governos nacionais durante dezassete anos. O seu trabalho centra-se em torno da governação ambiental, particularmente no desenvolvimento de estratégias/políticas, gestão de projetos na área da conservação da biodiversidade, adaptação climática e financiamento climático. Ellie tem experiência de ensino a nível universitário, foi coautora do livro "Plants of Tuvalu" ("Plantas de Tuvalu"), e recentemente teve a oportunidade de escrever um relatório sobre o financiamento de políticas de género e climáticas para a Oxfam no Pacífico. O seu interesse na área dos direitos humanos está nos direitos indígenas - preservando a sua identidade, e mantendo a ligação entre as pessoas, a terra e o oceano.

Anne Pakoa
Vanuatu
Anne Pakoa
Vanuatu

Anne Pakoa é fundadora e CEO da Coligação dos Direitos Humanos de Vanuato, formando defensores de direitos humanos na promoção dos direitos dos indígenas Ni-Vanuatu no acesso equitativo a bens sociais e económicos para todos. Anne, uma enfermeira licenciada cuja profissão é ser formadora de enfermagem, trabalha no setor das ONG há 22 anos e fundou algumas ONG, como a Escola de Saúde e Serviços de Enfermagem da Comunidade Cristã da Anne e a Jovens Mulheres pela Mudança de Vanuatu. É também presidente e vice-presidente em vários outros órgãos. Anne foi homenageada pelo Secretário de Estado dos EUA e Membro da Commonwealth pelo seu extraordinário compromisso na luta por justiça social e galardoada com o Prémio Internacional Mulheres de Coragem dos EUA 2015.  

Trinh Huu Long
Vietnã
Trinh Huu Long
Vietnã

Trinh Huu Long é o codiretor de iniciativas jurídicas para o Vietname (liv.ngo) que visa promover os direitos humanos, a democracia e o Estado de Direito no Vietname através de jornalismo independente, pesquisa e educação cívica. Os dois principais projetos de LIV são: as Revistas Luat Khoa (luatkhoa.org) e The Vietnamese (thevietnamese.org). Long está sedeado em Taipei, Taiwan, como chefe do Escritório de Representação do LIV e Editor-Chefe da Revista Luat Khoa. Ele estudou direito e estudos sobre Ásia-Pacífico, além de ter publicado intensamente sobre questões jurídicas e políticas do Vietname relativas com a liberdade de expressão, justiça criminal e constitucionalidade 

 

O Comité de Conselho de Desenvolvimento (DAC)

O Comité de Conselho de Desenvolvimento da Iniciativa para Medição de Direitos Humanos do HRMI (DAC) é um grupo consultivo voluntário formado por indivíduos experientes no desenvolvimento, engajamento e divulgação sem fins lucrativos. O DAC desempenha um papel importante no apoio aos esforços de desenvolvimento da HRMI, envolvendo-se na estratégia de arrecadação de fundos, aprimorando os processos de engajamento e desenvolvimento da HRMI e ajudando a fomentar conexões com suas redes de contato determinadas.

Lama Almoayed
Bahrein
Lama Almoayed
Bahrein

Lama é uma advogada dos direitos humanos, com uma paixão pela justiça social e por realizar mudanças a montante. Lama cresceu em Bahrain e completou seus estudos em Direito e Sociologia na Universidade de Auckland. Ela pesquisou questões sobre os direitos das mulheres em Bahrain como parte de seus estudos e em seguida trabalhou como advogada em Aotearoa antes de se mudar para Cambodia para trabalhar em investigações de direito penal internacional no Tribunal do Khmer Rouge. Lama passou os últimos cinco últimos atuando na determinação do estatuto de refugiados em Aotearoa, liderando investigações com conhecimento de trauma e explorando a intersecção entre os direitos humanos e as tecnologias emergentes.

Jasmine Herlt
Canadá
Jasmine Herlt
Canadá

Jasmine Herlt é uma líder reconhecida dos direitos humanos comprometida em melhorar as vidas das pessoas no Canadá e em todo o mundo. Antes de se aposentar no início deste ano, Jasmine foi Diretora de Gestão do Observatório dos Direitos Humanos (ODH), onde lançou e desenvolveu as operações canadenses. Nessa função, ela geriu a divulgação, arrecadação de fundos e iniciativas ativistas da organização no Canadá e foi responsável por orientar equipas de desenvolvimento global em outros países por quase 20 anos. Antes de juntar-se ao ODH, Jasmine foi Diretora Executiva da Fundação Canadense de Pesquisa da AIDS. Ela iniciou sua carreira como advogada focada em direito do trabalho enquanto consultora interna na Crown Life Insurance e exerceu advocacia corporativa na McMillan, Binch. Ela também atuou tanto em conselhos corporativos como sem fins lucrativos, incluindo o hospital St. Michael, Stop 103 e CI Funds Management. Atualmente, Jasmine é voluntária ativa e membro da equipa executiva da Associação Liberal da Província de Ontário no distrito eleitoral de University-Rosedale.

Nazia Erum
India
Nazia Erum
India

Nazia Erum is an advocacy and communications specialist using storytelling for change to create an enabling environment for human rights to thrive. She has worked at Amnesty International, The Global Fund and has engaged Parliamentarians, UN Special rapporteurs, Foreign ministers and Senators. She is also the author of critically acclaimed best-selling book, Mothering a Muslim, published in 2018. BBC World News called it a ‘book that has started conversations’ around social cohesion and identity in India. She was included in The Telegraph’s Stand-out Voices for 2018 list and The Mid-Day’s Women Change-makers of 2018 in India. Her work finds mention in the BBC, The Guardian, Le Monde, Washington Post among other international media.

Julie Verhaar
Suíça
Julie Verhaar
Suíça

Julie Verhaar é uma consultora executiva global de fins não lucrativos com mais de 20 anos de experiência conduzindo operações de negócios e de arrecadação de fundos de sucesso dentro de Organizações Não-Governamentais (ONGs). Ela apoia e ajuda lideranças de organizações e agências da ONU em seu desenvolvimento organizacional e sua jornada à sustentabilidade, mudança transformacional e expansão global. Mais recentemente, ela foi Secretária-Geral Interina da Secretaria Internacional da Anistia Internacional, conduzindo a organização e a implementação de uma ação de transformação cultural, que incluiu a criação de uma iniciativa de igualdade racial, diversidade e inclusão. Um programa abrangente de saúde mental e bem-estar foi implementado e aprimorado para todos os funcionários devido à pandemia de Covid. Outros cargos que teve dentro da Anistia Internacional foram Secretária-Geral Adjunta e Diretora Sênior de Arrecadação de Fundos & Engajamento Global. Antes de juntar-se à Anistia Internacional ela atuou em posições sênior na UNICEF, na Greenpeace International e na Cruz Vermelha da Holanda. Julie é membro do conselho de supervisão da Fundação Dr. Denis Mukwege e do Fundo Global do Sobrevivente.

 

Maior equipe de HRMI

Pesquisadores em direitos humanos, advogados e outros profissionais contribuem com o desenvolvimento de nossas métricas de duas maneiras: ao participar de nossos workshops de co-projeção, ou ao preencher nosso questionário de opinião de especialista em direitos civis e políticos nos países que monitoram. Alguns dos nossos mais ativos especialistas envolvidos nos direitos humanos são:

Mariana Dian Agoston
Estágios
Mariana Dian Agoston
Brasil

Mariana é uma estudante brasileira sénior na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Brasil, a tirar o curso de bacharelado em Relações Internacionais. As suas experiências, especialmente no setor público, permitiram que ela escolhesse uma trajetória de carreira em direitos humanos, na América Latina.

Shaan Badenhorst
Analista de Investigação
Shaan Badenhorst
Analista de Investigação
Nova Zelândia

Trabalhando como analista de pesquisa na Motu Economic & Public Policy Research na Nova Zelândia, Shaan está a trabalhar no sentido de obter o conhecimento e experiência para realizar um Doutoramento em Economia da Saúde. Ele completou a graduação em economia  na Universidade de Auckland, em 2018. Nascido na África do Sul, ele fala inglês e africânder. Ele é apaixonado pela investigação sobre a relação entre a saúde e os resultados escolares das crianças.

Ryan Bakker
Equipe DCP
Ryan Bakker
Equipe de Medição em Direitos Civis e Políticos
Estados Unidos

Ryan é um cientista político que tem se dedicado ao entendimento e remediando as causas de desigualdade social através de métodos científicos. Sua pesquisa e interesses ao lecionar incluem pesquisas de levantamento e medição, política e conflitos terroristas/internacionais. Ryan leciona no Departamento de Ciência Política na Universidade da Geórgia, é Diretor do Center for the Study of Global Issues e contribui com suas habilidades ao desenvolvimento de nossas métricas de Direitos Civis e Políticos. Ele recebeu seu PhD em ciência Política pela Universidade da Carolina do Norte em Chapel Hill em 2007.

Juliana Gil Borenstein
Países Baixos
Juliana Gil Borenstein
Países Baixos

Juliana, uma advogada brasileira que exerce na área dos direitos humanos, é apaixonada por temas relacionados com migração e direito penal internacional. Após a conclusão do mestrado em Direitos Humanos e Direito Migratório, Juliana trabalhou no Tribunal Penal Internacional e no Apoio às Nações Unidas nos julgamentos dos Khmer Vermelhos. Atualmente Juliana é consultora numa empresa neerlandesa e o seu trabalho visa garantir que as práticas empresariais respeitam os direitos humanos. Também colabora como Mediadora Cultural na organização Fair Work, informando trabalhadores migrantes sobre os seus direitos laborais e oferecendo apoio a vítimas de exploração no trabalho.

Scott Edwards
Conselheiro
Scott Edwards
Conselheiro
Estados Unidos

Scott é um Senior Crisis Adviser na Anistia Internacional. Seu atual trabalho concentra-se no uso funcional das tecnologias de informação e comunicação para o monitoramento e pesquisa das conformidades nos direitos humanos. Scott traz para a HRMI uma riqueza de conhecimento acerca das crises de direitos humanos através do globo e está nos ajudando a nos conectar à possíveis correspondentes de pesquisa. Antes de integrar nossa equipe, Scott serviu nos EUA como Amnesty’s Advocacy Director for Africa, Director of the Crisis Prevention and Response Unit e é um Professor na Elliot School of International Affairs da Universidade George Washington, Scott completou sua tese de doutorado em Ciência Política pela Universidade de Illinois Urbana-Champaign.

Sylvia Frain
Engajamento Pacífico
Sylvia Frain
Engajamento Pacífico
Nova Zelândia

Sylvia vive atualmente na Ilha Waiheke em Aotearoa, Nova Zelândia e gosta de waka ama (canoagem polinésia) e de passar o seu tempo livre no oceano.  Ela trabalha como Investigadora Associada do Centro de Investigação da Área da Micronésia  na Universidade de Guam e é uma das co-fundadoras da The Everyday Peace Initiative, um empreendimento social que ajuda pessoas e comunidades a construir a paz através de dados, formação e investigação. Sylvia obteve o seu PhD através do Centro Nacional de Estudos sobre Paz e Conflitos da Universidade de Otago, em Dunedin, em 2017, e foi a primeira beneficiária de uma bolsa de pós-doutoramento no Centro de Comunicação Social do Pacífico da Universidade de Tecnologia de Auckland em 2018.

Anna Fry
Nova Zelândia
Anna Fry
Nova Zelândia

Anna é uma editora que trabalhou para a HRMI, a The Sapling e a Otago University Press. Foi-lhe atribuído o certificado de Pós-Graduação em Edição da Universidade de Whitireia, e um certificado em Escrita Criativa do The Writers Bureau em Manchester, no Reino Unido. Anna é uma escritora entusiasta com alguns artigos publicados sob a sua alçada, e trabalha a tempo parcial como professora de música no ensino primário. Anna está radiante por estar a fazer uso das suas capacidades de edição e revisão como parte da equipa da HRMI.

Zemfira Gogueva
Divulgação
Zemfira Gogueva
Divulgação
Rússia

Zemfira está atualmente a fazer um mestrado em Direitos Humanos e Democratização no Cáucaso, em Yerevan (Armênia), e à espera do seu segundo semestre em Tbilisi (Geórgia). No futuro, Zemfira espera seguir uma carreira na área de direitos humanos e trabalhar numa organização sem fins lucrativos que ajude a garantir os direitos à educação.

Danny Hill
Equipe DCP
Danny Hill
Equipe de Medição em Direitos Civis e Políticos
Estados Unidos

Danny é um cientista político que acredita fortemente no uso de métodos da ciência social para aprimorar nosso conhecimento das condições dos direitos humanos, assim como a eficácia dos esforços em melhorar essas condições na base. O objetivo de sua pesquisa se concentra nas práticas jurídicas e nas leis dos Direitos Humanos, conflitos políticos violentos, repressão e dissidência. Danny leciona aulas sobre conflitos, organizações internacionais, relações internacionais e métodos de pesquisa quantitativa na School of Public and International Affairs na Universidade da Geórgia. Ele integra nossa equipe de métricas em Direitos Civis e Políticos. Ele recebeu seu PhD pela Universidade do Estado da Flórida em 2012.

Rāwā Karetai
Deficiência e SOGI
Rāwā Karetai
Consultor - Deficiência, e Orientação Sexual e Identidade de Género
Nova Zelândia

Rawa é apaixonado pelas comunidades das quais faz parte, tendo experiência de vida e identificando-se como membro das comunidades Rainbow, de Deficiência e Indígenas. Exerce a sua atividade entre Wellington e Christchurch em Aotearoa, na Nova Zelândia. Rawa tem vasta experiência na sociedade civil e abordagens intergovernamentais na resolução de questões complexas, e é também versado em alterações e desenvolvimento organizacionais, estratégia e liderança, Conselho Académico e Conselho Universitário, Te Ao Māori e Desenvolvimento de Capacidades. Rawa é o principal orientador do Sistema de Transformação para o Diretório de Deficiência do Ministério da Saúde - uma abordagem intergovernamental para a reestruturação do setor da deficiência na Nova Zelândia, também conhecida como Enabling Good Lives.

Julia de Cresci Oliveira Matsuda
Estágios
Julia de Cresci Oliveira Matsuda
Estágios
Brasil

Julia é ativista de direitos humanos e estudante de direito na Universidade do Estado de Londrina, onde chefia a equipa de julgamento simulado do campus. O seu principal campo de estudo é Direito Internacional e espera seguir uma carreira como funcionária pública internacional.

Amanda Murdie
Equipe DCP
Amanda Murdie
Equipe de métricas em Direitos Civis e Políticos
Estados Unidos

Amanda é uma cientista política que veementemente utiliza a pesquisa para ajudar o trabalho dos atores da sociedade civil em aprimorar os direitos humanos em países repressivos. Ela leciona sobre terrorismo, guerra e proteção humana e intervenções internacionais na School of Public and International Affairs na Universidade da Geórgia. Amanda publicou dezenas de artigos sobre sua pesquisa e é a nova editora-chefe da International Studies Review. Na HRMI, ela está contribuindo com a projeção e desenvolvimento das métricas de Direitos Civis e Políticos. Amanda recebeu seu PhD pela Universidade Emory em 2009.

Beatriz Fagionato Oliveira
Divulgação
Beatriz Fagionato Oliveira
Divulgação
Brasil

Beatriz é estudante de Direito e ativista dos direitos humanos, no Brasil. Ela participa em grupos de pesquisa e é aficionada por competições de Direito Internacional e Direitos Humanos A sua pesquisa central é sobre Democracia na América Latina e Beatriz espera seguir uma carreira nessa área.

Brian Root
Conselheiro
Brian Root
Conselheiro
Estados Unidos

Brian é o Analista Quantitativo na Human Rights Watch. Ele é responsável pela análise de dados nos relatórios da Human Rights Watch assim como providenciar orientação em coleta de dados quantitativos e instrução de metodologia de estatística e pesquisa. A vasta experiência de Brian com dados quantitativos de direitos humanos tem sido inestimável para o desenvolvimento de nosso guia de metodologia em direitos civis e políticos. Ele tem participado dos workshops de co-projeção da HRMI e está nos ajudando a nos conectar à possíveis correspondentes de pesquisa. Brian recebeu seu PhD em Desenvolvimento Internacional pela Tulane University Law School.

Pablo Santos-Pineda
Pesquisa
Pablo Santos-Pineda
Pesquisa
Estados Unidos

Pablo é um ávido analista de pesquisa que gosta de aprender novas línguas e culturas. O seu foco é compreender as abordagens indígenas à política e economia com o propósito de promover os direitos humanos, económicos e culturais.

Begümhan İdikut Şimşir
Divulgação
Begümhan İdikut Şimşir
Divulgação
Turquia

Begüm é estudante do último ano de direito na Universidade Turco-Alemã, em Istambul, Turquia. Ela é uma porta-voz frequente, Pictetista e membro da equipa académica do Themis  Court Simulations. As suas principais áreas de pesquisa são direito internacional público, direito em conflitos armados e direitos humanos. Atualmente trabalha como investigadora júnior no “Projeto Jovens como Pesquisadores” da UNESCO.

Vibhaa Sreedharan
Divulgação
Vibhaa Sreedharan
Divulgação
Índia

Vibhaa está no quarto ano da sua licenciatura em direito na Universidade SASTRA Deemed. Ela é apaixonada por direitos humanos e espera fazer a sua parte ajudando as pessoas a compreenderem os seus direitos e garantindo que os mesmos lhes sejam concedidos.

 

 

Pedimos desculpa. As informações biográficas dos estagiários estão disponíveis apenas em inglês.